Gente que Faz Notícias Salvador

Supermercado e padarias são flagrados em Paripe com gato de energia

Foto: Divulgação Coelba
Foto: Divulgação Coelba

Equipes da Neoenergia Coelba identificaram ligações irregulares em supermercados, panificadoras e depósito de bebidas localizados no bairro de Paripe, em Salvador, durante uma operação de combate ao furto de energia, conhecido popularmente como gato. A ação ocorreu nesta quarta-feira (30).

Segundo a Coelba, o volume de energia recuperada com esta ação foi de 180 mil kWh, quantidade que seria suficiente para abastecer, aproximadamente, 250 residências por 30 dias.

No total, dois supermercados, três panificadores e um depósito de bebidas foram flagrados desviando energia. Entre as irregularidades encontradas, os técnicos da Neoenergia Coelba removeram uma ligação clandestina dentro da parede do estabelecimento. Em todas as ocasiões, os clientes foram regularizados e toda a energia não medida será cobrada, conforme determinações da legislação do setor elétrico.

Os alvos da operação foram mapeados após análise do centro de inteligência da Neoenergia Coelba e de fiscalizações em campo. Para identificar as unidades como possíveis consumidoras irregulares, a distribuidora utilizou softwares associados a sensores inteligentes que controlam o fluxo de energia elétrica na rede de distribuição, auxiliando as ações de investigação em campo. Esses sistemas permitem uma maior assertividade das operações de combate ao furto de energia.

A distribuidora reforça que os “gatos” representam riscos para a segurança de quem os realiza e da população. Além disso, o furto de energia prejudica o fornecimento de energia da região, podendo causar graves problemas para a rede elétrica e ocasionar a interrupção do abastecimento.

Crime e denúncias – O furto de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal Brasileiro, com pena de até a oito anos de reclusão pela prática ilegal. Por isso é importante a denúncia de fraudes e furtos de energia. O apoio da comunidade é essencial para identificar os desvios e acionar a distribuidora. As denúncias são feitas de forma anônima através do telefone 116 ou aqui pelo site da Neoenergia Coelba na parte de Serviços, na aba Denúncia de Irregularidade.