Camaçari Cultura e Entretenimento

Revitalização florestal traz oportunidade de atividades ao ar livre para os Camaçarienses

Foto Josué Silva
Foto Josué Silva

Os novos projetos de revitalização ambiental junto à comunidade, pretende gerar senso de pertencimento para as novas gerações. A requalificação do Horto Florestal, o projeto Reflora e a criação do parque das Dunas de Abrantes e Jauá são opções de entretenimento e convívio social, alinhado à riqueza natural, cultural e histórica de Camaçari. 

O Horto Florestal foi entregue à população de Camaçari no último dia (27), véspera do aniversário da cidade. O novo Horto, Linaldo da Silva foi reestruturado e conta com um espaço amplo, com aproximadamente 42 mil metros quadrados. A estrutura conta com gazebo, quiosque, pergolado, administração, banheiros públicos, pavilhões ambiental e infantil, viveiro, urbanismo, paisagismo, sala de controle, iluminação pública e teve o caminho de passeios remodelado. 

Já o projeto Reflora Camaçari, entregou o Parque do Cacimbão em Arembepe e pretende requalificar outros espaços ambientais na orla do município. Através do Reflora foram realizados plantios de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica, na Lagoa da Paz, em Cachoeirinha, pertencente à Barra do Pojuca, e na Fonte do Buraquinho, em Vila de Abrantes.

O Parque das Dunas de Abrantes e Jauá está na fase de implantação, o projeto foi criado por meio do Decreto Municipal n.º 116/77. O local é constituído por ecossistemas de relevância ecológica, ambiental e paisagística para Camaçari. Para propiciar um amplo debate com as entidades relacionadas à construção do Parque, foi realizada uma visita ao Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), com a Coordenadoria de Unidade de Conservação. 

Os projetos paisagísticos na cidade tem o objetivo de atender a sede e orla do município, dando opção de lazer e convívio com a natureza para a população de todas as idades.