Notícias Segurança Pública

‘Operação Paz no Lar’: Ronda Maria da Penha reforça ações durante isolamento social na Bahia

Foto: Divulgação/ SSP
Foto: Divulgação/ SSP

 

Durante o período de isolamento social vivenciado pelos cidadãos baianos, a Ronda Maria da Penha tem dado continuidade à ‘Operação Paz no Lar’, com o objetivo de  de reforçar as medidas de enfrentamento à violência contra a mulher. A ação está acompanhando os crimes desta modalidade, na cidade de Feira de Santana.

A iniciativa surgiu depois de unidades do Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL) perceberem um aumento nas chamadas do Centro Integrado de Comunicações (Cicom) de demandas relacionadas à violência doméstica.

A comandante da operação, tenente Renata Martins, afirma que a quantidade de ligações mostra que as mulheres estão denunciando seus agressores e conseguindo quebrar o ciclo da violência. “Muitas vezes a sociedade entende como agressão apenas a física, mas a violência também pode ser patrimonial, sexual, psicológica e moral. Por isso é necessário procurar a Polícia Militar através do 190 ou os demais órgãos da rede de proteção”, pontuou a oficial.

Operação Paz no Lar

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) da Bahia, ao serem acionadas as equipes vão até o local indicado na denúncia e, caso a vítima esteja de acordo, os policiais a conduzem até a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) para registrar o caso e dar procedimento ao trâmite de solicitação da medida protetiva.

Os dados levantados pela unidade mostram que entre 13 de março e 20 de abril deste ano (período de início da quarentena e isolamento social), o Cicom de Feira recebeu 637 chamadas de situações envolvendo violência contra a mulher. No mesmo período de 2019 foram registrados 535. “Pedimos para que as vítimas não se intimidem e denunciem qualquer tipo de agressão”, ressaltou a tenente Renata Martins.