Cultura e Entretenimento Salvador

Olimpo Tupiniquim: livro que representa o Brasil em feira internacional chega em Salvador

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Mundo da mitologia brasileira tem participação de Carlinhos Brown, Margareth Menezes e Sandra de Sá

O Olimpo Tupiniquim é recheado de criatividade do início ao fim e Magella Moreira divide suas instigantes criações com o requisitado artista Rogério Pedro, responsável pelas extraordinárias ilustrações, que dão ainda mais vida aos diversos personagens do folclore brasileiro.

O livro nem bem foi lançado oficialmente e já representa o Brasil em feira internacional. A 28ª Bienal de Ilustração da Bratislava (BIB – 2021) aprovou a participação do Olimpo este ano e as ilustrações e os 23 contos já são finalistas no evento que acontece de 15 de outubro de 2021 a 9 de janeiro de 2022, na Eslováquia.

“A gente mandou o livro para a seletiva brasileira, que envia os livros para a Bratislava, na Eslováquia. Felizmente, fico muito feliz pelo ocorrido, a gente foi aprovado e [o livro] já está na feira de Bratislava, a Feira Internacional de Ilustração. Ele vai ser exposto nessa feira, então a gente é um dos finalistas”, afirma Magella Moreira.

“Ainda tem uma próxima etapa, que a gente pode ser os vencedores mundiais, mas a gente já é integrante dessa feira”, conclui o autor.

 

Ao todo, 47 ilustradores enviaram os PDFs de seus livros para concorrerem à seleção de trabalhos que representarão o Brasil na Bienal de Ilustração de Bratislava. No entanto, apenas 15 foram escolhidos para a categoria, dentre eles o Olimpo, completamente ilustrado pelo artista Rogério Pedro, que já fez trabalhos para clientes como Adobe, Red Bull, Kellogg’s, Canal GNT, entre outros.

Os critérios para as escolhas foram os mesmos utilizados pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil – FNLIJ, para sua seleção anual, com destaque para a diversidade como expressão e narrativa.

 

Nessa viagem ao redor do mundo, os autores passam pela capital baiana e contam com a participação artística do cantor e músico Carlinhos Brown, autor do prefácio que leva sua imagem de “Cacique”, título pelo qual é conhecido em seu bairro, o Candeal. Margareth Menezes é outra figura baiana que deu o ar da graça no Olimpo de Magella e Rogério, que contou ainda com a admiração da cantora Sandra de Sá.

É também em Salvador, além do estado de Minas Gerais, que o Olimpo Tupiniquim está sendo lançado este mês. Como alguém que ganhou o título de cidadão soteropolitano, o livro não pode deixar de ter a capital baiana no repertório. Magellae Rogério chegam à Bahia nesta semana para apresentar o universo da mitologia brasileira aos baianos.

 

Sobre os autores:

Magella Moreira é Engenheiro de Produção e Mestre em Administração por formação, mas a vida o fez escritor por paixão e vocação. Desde a mais tenra idade é um leitor assíduo, com participação em vários concursos literários. Em seu primeiro livro “Nota de Falecimento”, ele descreve o que foi sua infância junto à doméstica de sua casa. No segundo, “aLto ajuda”, fala da importância de Deus no tratamento da depressão. Já no terceiro, “Olimpo Tupiniquim”, narra os principais mitos do lendário brasileiro com o intuito de manter viva essa cultura. O jovem escritor mineiro é membro da Academia Itaunense de Letras, onde ocupa a cadeira número 12 que tem como patrono o baiano Jorge Amado.

Instagram: @magellamoreira

Palavras de cor. Com esta linguagem artística, Rogério Pedro escreve sua trajetória com um estilo muito próprio. Seu trabalho flui em telas, cenografia, pintura mural e ilustrações. Influências do Movimento Modernista se misturam alegremente com a irreverência de um pintor que não teme as cores, que passeia pela desconstrução das formas, dos volumes e dos conceitos para depois reerguer trabalhos únicos e cheios de identidade. Já fez trabalhos para clientes como Adobe, Red Bull, Kellogg’s, Canal GNT entre outros. Suas obras podem ser encontradas em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Bahia, Miami, Fort Lauderdale, Nova Iorque, Vienna e Buenos Aires. Na bagagem, trabalhos também publicados em Nova Iorque, França e Espanha.

Instagram: @rogeriopedroat