Camaçari Notícias

Emoção e fé marcam a ordenação episcopal do novo bispo da Diocese de Camaçari

Foto: Diocese de Camaçari
Foto: Diocese de Camaçari
O entoar do sino da Catedral Basílica Nossa Senhora do Pilar já anunciava no último sábado, (04.12) que era um dia de festa, pois pela primeira vez seria ordenado um Bispo vindo da Diocese de São João del-Rei (MG), Dom Dirceu de Oliveira Medeiros, bispo eleito para a Diocese de Camaçari. A Santa celebração foi presidida pelo Bispo ordenante, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte e Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil; e pelos Bispos co-ordenantes, Dom José Eudes Campos do Nascimento, Bispo Diocesano de São João del-Rei, e Dom Joel Portella Amado, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro e Secretário-Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.
Representando a Diocese de Camaçari estiveram presentes o administrador Apostólico, Dom João Carlos Petrini acompanhado pelo Pe.Carlos Fernando Dias, Pe.Fernando Pereira e o Pe.Luiz Felipe Montecinos.
Logo no início da celebração foi feita a Invocação ao Espírito Santo para que o eleito seja santificado e consagrado com a plenitude do sacramento da ordem e também foi lida a bula de nomeação do Papa Francisco. Os Bispos são constituídos pelo Espírito Santo como sucessores dos Apóstolos e pastores do povo de Deus.
Durante a homilia Dom Walmor destacou que com a consagração o novo bispo recebe a mesma graça recebida pelos apóstolos “Você vai  receber pela imposição das mãos, o dom da graça para ser, como diz o apóstolo, dele mesmo, para ser pregador, apóstolo e mestre. Essa é a graça que você vai receber como o Apóstolo Paulo recebeu e os sucessores dos apóstolos recebem para ser reavivada permanentemente”, diz.
“Todo batizado e de modo muito especial o bispo, como sucessor dos apóstolos, tem que ser, claramente, um apaixonado por Cristo”
Sobre o evangelho e o lema episcopal de Dom Dirceu ele disse que essa é uma grande experiência que Pedro passou e com obediência respondeu ao chamado do Senhor “Por tua palavra lançarei as redes” não é apenas um comando é uma experiência mística de grande e importante valor e a Igreja está desafiada a fazer para dar conta da sua missão de ser de comunhão e ser de participação de todo o povo de Deus”.
Continuando com o rito de Ordenação Dom Dirceu se prostrou no chão enquanto era entoado a ladainha de todos os santos em seguida ele se colocou de joelhos enquanto foi feita a oração consacratória e os bispos ordenantes e os concelebrantes impuseram as mãos.
CONSAGRAÇÃO EPISCOPAL
Durante a Ordenação episcopal acontecem alguns ritos que são específicos para o terceiro grau da ordem, o ordenado recebe sobre sua cabeça o livro do evangelho enquanto é feita uma uma oração, logo em seguida tem sua sua cabeça ungida com o óleo do santo crisma, e o novo bispo recebe o livro dos Evangelhos, para que como servo do Senhor continue lançando as redes para a pesca.
Alguns sinais são específicos para serem usados no ministério episcopal e são recebidos durante a ordenação, o primeiro dos símbolos é o anel, sinal da sua fidelidade a Cristo, em seguida recebe em sua cabeça a mitra episcopal, que evoca a nobreza da missão e a santidade com que deve ser exercida. O terceiro símbolo é o báculo, que significa o governo pastoral e a missão de apascentar as ovelhas da Igreja de Deus.
Após todo rito os bispos presentes acolheram o novo bispo com um abraço, na ordem episcopal.
AGRADECIMENTOS
Em sua mensagem Dom Dirceu fez uma série de agradecimentos e destacou que o período de dois anos e meio que esteve na CNBB foi um verdadeiro mestrado onde muito aprendeu e levará toda experiência para sua vida e missão. Agradeceu também toda acolhida que recebeu do povo de Camaçari e trouxe o exemplo do Papa Francisco para sua nova missão “Que eu saiba caminhar a frente do rebanho para indicar caminhos, que eu saiba caminhar do meio do rebanho para encorajar aqueles que tendem a desanimar, que eu saiba caminhar atrás do rebanho vigilante para garantir que ninguém fique para traz” e concluiu pedindo orações e dizendo “Sigo com aquele pensamento de um grande Santo da Igreja ‘lá onde Deus me plantou é lá que eu sou chamado então a Florescer e a dar frutos'”.
Confira algumas imagens: