Camaçari Notícias Político Saúde

Camaçari: Programa Sesau Fila Zero vai realizar cerca de 100 mil procedimentos

Foto: Redação Cidade Satélite
Foto: Redação Cidade Satélite

Na manhã desta segunda-feira (10), a Sesau iniciou o atendimento do Programa Fila Zero. Os pacientes foram chamadas para recadastrar o cartão SUS e já tiveram as primeiras consultas agendadas, para depois serem encaminhados para os exames pré-operatórios até agendar a cirurgia.

Maria Estelita que aguardava na fila para realizar ultrassonografia e alguns outras exames, já saiu de lá com os procedimentos agendados, ela conta como foi a experiência.

“Uma surpresa boa, consegui marcar todos os meus exames, todos para datas próximas, 13 e 14, foi muito bem”.

Ouça a entrevista:

O prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo esteve no local vistoriando e conversando com os profissionais que atenderão a população. Na oportunidade ele visitou as alas que fazem parte do ponto de atendimento, sala de triagem, marcação, curativo, consultório médico geral, ginecológico, ultrassonografia, ECG e raio-X.

Na oportunidade o prefeito fala sobre o valor investido e conta que a ideia do programa é distencionar esse momento e melhorar a saúde do município.

‘Cerca de 10 milhões de reais, para realizar cerca de 100 mil procedimentos, entre consultas, exames e cirurgias, vai tranquilizar mais o nosso município’, explica Elinaldo.

O prefeito relata que cada município tem um modelo de gerir a sua saúde, Camaçari hoje tem 2 UPAs e 3 PAs, mas também acrescenta sobre o desejo da população de ter um hospital Municipal.

“Um hospital público municipal é um sonho do povo Camaçari, é o nosso sonho, mas nós temos um receita, temos que discutir como vai ser investido esse dinheiro, então essa é uma discussão que está dentro da nossa cabeça, mas precisamos fazer a discursão do fluxo da nossa saúde para que esse hospital seja implantado ou não”, finaliza Elinaldo.

Ouça a entrevista completa:

O secretário de Saúde Municipal, Dr. Elias Natan, fala sobre a desproporção entre a quantidade de cartões SUS cadastrados no município e a população de Camaçari.

“Temos próximo de 300 mil habitantes e 650 mil cartões SUS,  isso nos causa um problema, porque causa uma espera mais prolongada para nossa população”, relata Dr. Elias Natan.

Sobre a durabilidade da ação, a previsão é que a ação dure de 6 a 8 meses, porém as consultas e exames já estão sendo marcadas, a pessoa chamada para recadastrar o cartão, saí do ponto de atendimento com os procedimentos agendados.

O secretário fala sobre o início da ação, segundo ele o atendimento está sendo realizado de imediato.

“As consultas já estão sendo marcadas a partir de hoje (10.01), as 350 pessoas que se dirigiram a unidade, estão saindo daqui com seus agendamentos de consulta e exames”, explica Elias Natan.

A população que irá precisar de cirurgia, passará por um processo mais extenso, uma vez que primeiro necessita realizar os exames pré-operatórios. As cirurgias serão realizados por instituições terceirizadas do próprio município.

Ouça a entrevista completa: