0800 Cultural Música

Sarau de Itapuã desta segunda (19) apresenta o protagonismo feminino no samba

YayaMassemba_divulgacao

Nesta segunda-feira (19/08), a Casa da Música, em Salvador, recebe mais uma edição do “Sarau de Itapuã”, desta vez, com a participação especial do Grupo Yayá Massemba (Samba de Mulheres do Vale Capão), Verônica Dumar, e a dupla Cissa Paz e Christylez Bacon. O acesso é gratuito e a programação tem início às 17h.

Antes das apresentações musicais, o cantor e compositor Flavio Vigata ministrará a palestra “Sua Carreira Musical na Era Digital”, com o objetivo de despertar o empreendedorismo entre criadores e produtores musicais, com foco nas oportunidades no ambiente digital.

A banda Yayá Massemba tem um repertório que transita por clássicos atemporais do samba e músicas autorais. O grupo promove a valorização da tradição do samba da Bahia e visa dar visibilidade ao protagonismo da mulher no samba. Inspiradas pelo MPB, as musicistas Ive Farias, Ana Tomich, Priscilla Oliveira e Bhakti Eloi irão comandar o samba de roda, dando espaço para que outras mulheres também possam fazer parte desse movimento. A banda já realizou cerca de 60 apresentações, principalmente, em Salvador e cidades da Chapada Diamantina.

Verônica Dumar, cantora e compositora baiana, canta Bossa Nova e Samba, além de interpretar músicas de compositores baianos que enriquecem o cenário musical. Entre os seus trabalhos autorais destacam-se “Morena do Mar”, “Minha missão” e “Os quinhentos anos do Brasil”. Recentemente, foi convidada a participar da Semana Cultural de Portugal, em Salvador, interpretando no seu show, além de suas composições, o Fado, conhecido estilo musical português.

A cantora Cissa Paz e o multi-instrumentista Christylez Bacon se conheceram em um evento artístico em Washington, nos Estados Unidos, em 2011, e desde então eles vêm fazendo inúmeras performances. Cissa é cantora, compositora brasileira baseada nos EUA, e tem apresentado a música brasileira fora do país com uma performance eclética marcada pelo som do jazz Americano e suas fortes influências regionais do Brasil. Já Christylez é um artista americano de Hip-Hop Progressivo e multi-instrumentista, que se apresenta com o tambor africano djembe, no violão ou no beat-box, enquanto recita versos rítmicos como um trovador.