0800 Cultural

Projeto Capoeiragem Mirim oferece aula gratuita e acompanhamento pedagógico em Salvador e Camaçari

CapoeiragemMirim_FotoFilipeSampaio

O projeto Capoeiragem Mirim oferece 100 vagas para crianças e adolescentes entre 5 e 16 anos de Salvador e Camaçari. Por meio da ludicidade, a ação gratuita une acompanhamento pedagógico e valorização positiva das origens culturais, através do aprendizado das habilidades e técnicas da Capoeira.

As aulas, promovidas pelo Instituto CTE Capoeiragem, começaram essa semana na Cidade da Luz, em Pituaçu, e no CEU’s, no Phoc III, em Camaçari. Os interessados ainda podem se inscrever nos locais. As vagas são limitadas.

Ao todo são oito turmas, que serão divididas por idade e turno. O acompanhamento será realizado por pedagogas, que vão promover atividades de português, matemática e outras matérias, vinculadas ao universo da Capoeira. Já a arte marcial será ensinada por professores de Capoeira sob a orientação de Ricardo Carvalho, o mestre Balão, líder do grupo CTE Capoeiragem, unindo música, dança, brincadeiras e técnicas dessa modalidade esportiva.

“O projeto proporciona uma educação humanista, tendo na Capoeira a base para uma formação estruturada, de conhecimento e reconhecimento da cultura afrodescendente, das origens e ensinamentos que se pode extrair das matrizes africanas. Ter esse projeto, que foi criado em 1994 de forma voluntária, patrocinado e com acompanhamento pedagógico sempre foi o meu grande sonho”, explica o mestre Balão, organizador da ação e fundador do Instituto CTE Capoeiragem.

O projeto tem duração de 10 meses e também vai proporcionar a troca de experiência com antigos mestres da Capoeira e intercâmbios culturais.

Campanha 1 Ano do Programa Casa Melhor
Banner Ags9