Camaçari Notícias Poder Público

Nova unidade da Casa Lar de Camaçari conta com 10 vagas para acolhimento de crianças e adolescentes sob medida protetiva

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Camaçari passa a contar com uma segunda Casa Lar. O equipamento foi inaugurado nesta quarta (30) e oferta serviço de acolhimento destinado às crianças e adolescentes que estão sob afastamento do convívio familiar por medida protetiva, emitida pelo Poder Judiciário.

Com a nova unidade, mais 10 vagas são disponibilizadas. Uma mãe social ficará responsável por prestar os devidos cuidados aos assistidos.

O espaço é administrado pela Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), por meio da Coordenadoria de Proteção Social Especial. A iniciativa atende as orientações da Política Nacional de Assistência Social.

A Sedes explica que o serviço é ofertado de forma que se aproxime ao máximo da rotina de um ambiente doméstico, além de favorecer o convívio familiar e comunitário dos acolhidos. Juntas, as duas unidades da Casa Lar de Camaçari possibilitam o acolhimento de até 20 crianças e adolescentes com idade igual ou inferior a 17 anos. O ingresso ocorre mediante decisão judicial, que fixou como tempo máximo de permanência o período de um ano e meio.

Além da cuidadora residente (mãe social) e sua substituta, a Casa Lar conta com uma equipe multiprofissional composta por coordenador, assistente social e psicólogo. Para oferta do serviço, o governo municipal firmou um termo de colaboração com a Organização Aldeias Infantis SOS Brasil. A primeira Casa Lar de Camaçari foi inaugurada em 2018. Anteriormente, as crianças ou adolescentes eram acolhidos em outro município.