Militância Social Notícias Político Satélite RMS Saúde em Foco

Médicos de Camaçari decretam estado de greve

Foto: Adilton Venegeroles l Ag. A TARDE
Foto: Adilton Venegeroles l Ag. A TARDE

Médicos estatutários de Camaçari reivindicam melhores condições de trabalho e decidiram entrar em estado de greve em assembleia realizada no último de 6 de julho.

Segundo o Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed), uma pauta de reivindicações já havia sido encaminhada à prefeitura em março, mas até o momento não foi respondida. “Desde então a situação se agravou, aumentando a insatisfação dos médicos”, afirmam os profissionais em nota. Caso as solicitações não sejam atendidas, a categoria planeja greve por tempo indeterminado.

Os médicos reivindicam:

  • PCCV (Plano de Cargos, Carreira e Vencimento) exclusivo para os médicos;
  • Piso salarial equivalente ao Piso FENAM – R$ 13.847,93 para 20 horas semanais;
  • Adequação e definição de critérios para a implantação do ponto eletrônico através de regulamentação específica;
  • Registro do abono de faltas do período da greve na ficha funcional do médico;
  • Designação de Diretor Médico para cada unidade de alta e média complexidade;
  • Incorporação imediata da parcela remuneratória “Produtividade”;
  • Garantia na autonomia do médico na prescrição de medicamentos e solicitação de exames.

No dia 20 de julho, os profissionais se reúnem em mais uma assembleia para definir novas ações do movimento. Os odontólogos também planejam paralisação e estão organizando uma mobilização em conjunto com os médicos.

Sobre o Autor

Redação

Deixar Comentário

Clique aqui e deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *