Militância Social Político

Hoje (23): CTB faz protesto contra PL da Terceirização

Foto: Pardal Sá
Foto: Pardal Sá

Contrários ao Projeto de Lei (PL) da Terceirização aprovado ontem (22) na Câmara dos Deputados, dirigentes sindicais ligados à Central Única dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) organizam manifestação hoje (23), às 13h, na Avenida Tancredo Neves.

“O movimento sindical resolve fazer um ato em protesto às medidas irresponsáveis e retirada dos direitos dos trabalhadores”, diz o secretário-geral da CTB Bahia, Ailton Araújo. O protesto será em frente à sede da Superintendência Regional do Trabalho na Bahia (SRT-BA), atrás do Shopping Sumaré.

Na ocasião, o grupo entregará ao ministro do trabalho, Ronaldo Nogueira, uma carta de repúdio referente à retirada de direitos trabalhistas. O ministro vem a Salvador nesta quinta para a inauguração do novo prédio da SRT-BA, localizado no Edifício Boulevar Financeiro, Rua Ewerton Visco, nº 190, Caminho das Árvores.

“A gente sabe que nada mais é do que uma manobra aprovada na Câmara dos Deputados para fragilizar o mundo dos trabalhadores”, completa o secretário. A manifestação também é contra as reformas trabalhista e da previdência.

Ailton, que também é dirigente do Sindicato dos Bancários da Bahia, defende que o PL é um “projeto de empregadores” e sua conseqüente aprovação provocará a “quebra” do sistema previdenciário. “A partir do momento que você começa a contratar o trabalhador temporário, não vai empregar mais ninguém para pagar a Previdência. Vai gerar uma rotatividade muito grande e o fim da CLT”, afirma.

O sindicalista informa que um novo ato está programado para o dia 31 de março. “Nós vamos parar o país no dia 31. Estamos caminhando para uma greve geral”, fala.

Saiba mais

Aprovada PL da Terceirização. Saiba o quê muda

Sobre o Autor

Camila São José

Jornalista - DRT/Ba 5124

Deixar Comentário

Clique aqui e deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *