Notícias

Festival reúne gastronomia e cultura na Praia do Forte

praia do fort

O Tempero no Forte – Festival de Cultura e Gastronomia chega a 13ª edição e deve movimentar o Litoral Norte, especialmente a Praia do Forte, entre os dias 29 de novembro e 09 de dezembro, reunindo gastronomia, música instrumental e artes. O evento é aberto nesta quinta-feira (29/11) com o cortejo de baianas da Praia do Forte desfilando pela vila, juntamente com o Grupo de Maculêlê do Centro Cultural Berimbau Arte Brasil.

Participam do festival 25 estabelecimentos, entre restaurantes, pousadas e hotéis do Litoral Norte, incluindo Arembepe e Guarajuba, em Camaçari, além de Diogo e Praia do Forte, em Mata de São João. Dez chefs convidados de Salvador e de outros estados e 15 dos restaurantes locais e do entorno desfilarão receitas à base de camarão, o tema deste ano do Tempero no Forte.

A primeira atividade do evento traz o tema ‘Boas Práticas na Manipulação de Alimentos’ e visa capacitar cozinheiros e ajudantes de cozinha dos estabelecimentos participantes na Cozinha Show, das 10h às 12h da quinta-feira. Na estrutura montada em plena vila da Praia do Forte, ministrarão aulas a chef Tereza Paim – que ainda na quinta, às 19h30, fará noite de autógrafos do seu livro recém-lançado em Salvador e São Paulo, Na Mesa da Baiana – Receitas, Histórias, Temperos e Espírito Tipicamente Baianos –; a doceira gaúcha Laura Estima; o chef do Senac, Sergio Paiva; a chef pernambucana Dani Dahoui, do bistrô Ruella, em São Paulo; o chef Fredy Miranda, do Tivoli Ecoresort; o paulista William Ribeiro, também do Tivoli; o influenciador digital paulista Marcelo Sampaio e a chef premiada Morena Leite, do Capim Santo.

O Coreto da Vila recebe o Música com Tempero nesta sexta-feira (30) e sábado (01º/12) com os shows gratuitos, abertos ao público. Clássico, jazz, blues, ska, erudito, música caipira, forró, baião e frevo, são alguns dos ritmos que fazem parte do repertório dos grupos que se apresentarão. Trio Imbassaê, formado por músicos da região, e o grupo baiano Skanibais, com seu ritmo dançante, tocam na noite de sexta-feira, a partir das 21h. No sábado, às 20h, quem sobe ao palco é o Sexteto da Orquestra Sinfônica de Mata de São João, seguido da Orquestra Paulistana de Viola Caipira, sob a regência do maestro Rui Torneze, com um repertório que vai da música caipira de raiz, à inusitadas e originais incursões na música erudita, world music, new age e MPB.

O festival inclui ainda o Mercado do Forte, que funcionará na vila na sexta-feira e sábado, das 16h às 22h. Com curadoria da artista plástica Maria Luedy, a feira de design e artesanato contemplará diversas opções, com produtos desenvolvidos por artistas e artesãos do Litoral Norte e Salvador, além da exposição e instalação artística assinada pelas artistas visuais Araci Tanan e Maria Luedy e pelo cenógrafo e artista plástico João Teixeira.

Já o Cultura com Tempero abre espaço para grupos locais apresentarem os trabalhos que desenvolvem, a exemplo do Grupo Cultural de Praia do Forte, que se apresenta na sexta-feira, e dos grupos Capoeira Esporão e Capoeira Forte, ambos da Praia do Forte, que promoverão um aulão de capoeira no meio da vila, no sábado.

No dia 05 de dezembro, das 9h às 11h, acontece o Café com Turismo, que pretende abrir a discussão para assuntos voltados para o turismo e gastronomia. O convidado é o arquiteto paulista, mestre em Sustentabilidade, Rafael Loschiavo Miranda, do Portal Ecoeficientes, que abordará o tema Soluções Ecoeficientes para Restaurantes e Pousadas para uma plateia de hoteleiros e donos de restaurantes, no Hotel Via dos Corais.