Cultural Teatro

Espetáculo “Confabulações” abre temporada nesta quinta (29) no TCA

confabulacoes

A Cia. Buffa de Teatro volta a cartaz com “ConFabulAções”, espetáculo que discute, através da bufonaria, o papel da mulher ao longo dos caminhos da humanidade. A montagem entra na programação da Sala do Coro do Teatro Castro Alves (TCA), em Salvador, a partir desta quinta-feira (29/08) até o dia 22 de setembro, de quinta a sábado, às 20h, e domingos, às 18h. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Indicada ao Prêmio Braskem 2019 na Categoria Especial pelo seu figurino e com dramaturgia e encenação de Joice Aglae, a peça elege a bufonaria como linguagem para tratar sobre violências e imposições sofridas por mulheres. Quatro bufonas, representadas por Andréa Rabelo, Diana Ramos, Leila Kissia e Joice Aglae, usam de todas as formas do riso, da alegoria e do grotesco para discutir a questão.

“Ninguém melhor que a Bufona, uma máscara que tem a potência de revelar, que fala o que é sério de maneira risível, brinca com o poder e relativiza as estruturas sociais, para falar sobre as violências sofridas por nós, inclusive aquelas já naturalizadas”, explica a diretora, que fundou a companhia em 1998 para trabalhar com Máscaras, entre estas, a técnica de Bufão.

A dramaturgia passa pela denúncia de violências cotidianas e se desdobra em visões de mitos de um patriarcado que reforçam estereótipos femininos, de como as histórias de Pandora, Lilith, Medeia, Maria ou Eva, entre outras, influenciam a ideia que foi criada do feminino. A figura da bufona se conecta, segundo Aglae, com a deusa grega Baubo, cujas características são o excesso, o grotesco e a obscenidade. O mito de Baubo, assim como a hindu Kali, trazem os contrapontos para reforçar a fortaleza feminina, sua liberdade e poder de transformação.

Campanha 1 Ano do Programa Casa Melhor
Banner Ags9