Bahia Saúde

Covid-19: Santo Amaro entra em lockdown a partir desta quinta (25) sob pena de multa diária 

foto: reprodução
foto: reprodução

De acordo com o novo decreto da Prefeitura, o município de  Santo Amaro —  localizado no recôncavo baiano — vai contar com a suspensão total das atividades não essenciais a partir desta quinta-feira (25), até às 23h59, do dia 02 de julho. O órgão afirma que a medida visa conter a disseminação do coronavírus na cidade.

Triagens e barreiras serão realizadas pelas equipes de fiscalização e agentes de trânsito em diversos acessos do município, para garantir o cumprimento das medidas preventivas. Confiras a seguir as  determinações do lockdown:

  • Não será permitida a circulação ou permanência de indivíduos em vias públicas, com exceção apenas para a aquisição de medicamentos, realização de exames, trabalho e atividades consideradas essenciais, e saque do auxílio emergencial. Segundo  a prefeitura, justificativa deve ser comprovada por meio de documentos. O descumprimento à medida está sujeito a multa diária no valor de R$ 250 para pessoas físicas.
  • Estão proibidas reuniões de pessoas que não morem na mesma casa, assim como realização de visitas. As pessoas que precisam se deslocar a trabalho durante esses dias precisarão portar uma ‘Autorização para Movimentação de Trabalhadores’, assinada pelas empresas.

ATIVIDADES ESSENCIAIS

Estão autorizados a funcionar durante o lockdown apenas os serviços considerados essenciais como:

  • Serviços de urgência e emergência; 
  • Farmácias; 
  • Agência da Caixa Econômica Federal exclusivamente para pagamento do Auxílio Emergencial e Programas Sociais do Governo Federal e Municipal; 
  • Postos de gasolina; 
  • Funerárias; 
  • Mercadinhos fora do Centro Comercial e os dos distritos; 
  • Padarias (entre 6h e 11h); 
  • Lanchonetes e pizzarias em sistema de delivery (até 22h). 

Em caso de descumprimento,  multa diária é prevista no valor de R$ 15 mil, que deve ser duplicada em caso de reincidência.