Camaçari Poder Público

Câmara de Camaçari fará abertura de trabalhos legislativos no formato digital nesta quinta (18)

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Por conta do aumento nos casos de contágio pelo novo coronavírus no município e da consequente elevação da taxa de ocupação dos leitos de UTI, o presidente da Câmara Municipal de Camaçari, vereador Júnior Borges (DEM), optou por realizar uma mudança no formato da Sessão Solene de Abertura dos Trabalhos Legislativos de 2021. A atividade, que seria realizada no Plenário Osvaldo Nogueira, com a presença dos parlamentares, dos secretários municipais, do prefeito Elinaldo Araújo, do vice-prefeito José Tude e outras autoridades, mas sem plateia presencial, agora será virtual.

 

A data e o horário originalmente anunciados para a realização da sessão de abertura estão mantidos. A cerimônia de abertura dos trabalhos legislativos respeita o horario regimental e terá inicio às 9h desta quinta-feira (18/2), com autoridades do Legislativo e do Executivo municipal, que cumprirão as devidas formalidades, realizando os tradicionais pronunciamentos na segurança dos seus lares, por meio de uma reunião virtual que poderá ser acompanhada pela população através de transmissão ao vivo pela TV Câmara Camaçari, por meio do Canal 25.1 da TV Litorânea; pelo canal oficial da TV Câmara no Youtube (youtube.com/tvcamaracamacari), e também pela Fanpage no Facebook (https://www.facebook.com/tvcamaracamacari).

 

Também já foi definido pela Casa Legislativa que as atividades subsequentes à abertura também ocorrerão virtualmente, a exemplo da 1ª sessão ordinária que ocorrerá no dia 23 e das audiências públicas para prestação de contas das secretarias de Saúde e Fazenda, nos dias 25 e 26 de fevereiro, respectivamente. “É um momento que exige de nós responsabilidade, sensibilidade e habilidade de adaptação. A prioridade é combater a disseminação da Covid-19 e, assim, salvar vidas. Vamos intensificar o distanciamento agora para que, muito em breve, a Câmara possa receber e acolher com segurança a população”, disse o presidente da Câmara, Júnior Borges.